A crise nos mercados já tinha sido anunciada muito tempo antes da epidemia do novo vírus


O “índice de medo” dos mercados (Chicago Board Options Exchange’s Volatility Index) já vinha há bastante tempo a demonstrar quão grave é o problema nos mercados devido à epidemia do novo coronavírus. No entanto nem tudo está diretamente relacionado. Trata-se de uma queda nos mercados verdadeiramente abrupta. Mas que já tinha sido anunciada.

No futuro nada será como antes

Depois dos ataques do Ébola, o “Tio” Bill Gates já tinha avisado em 2014 que não estávamos preparados para lidar com uma pandemia. E o “Alexandre Soares dos Santos” americano, o mítico investidor Warren Buffet (da Berkshire Hathaway) já previa esta crise dos mercados. Tal como previu também o crash da bolsa em 1987, bem como a bolha das “dot com” do final do século XX. A sua empresa inclusive reservou a liquidez necessária, para agora neste momento realizar a compra de acções no sector do varejo e distribuição de supermercado e saúde.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Funcionária de Supermercado em Faro Obrigada a Ficar Sentada numa Balança durante 8 horas

SUBVENÇÃO VITALÍCIA de 13.607,21 Euros Mensais: Ex-Militar e Último Governador Português de Macau Vasco Rocha Vieira é o Nº 1 da Lista

China ajuda Paquistão com “armas biológicas” para combater ataques